quarta-feira, 30 de maio de 2018

Protesto em Paço sempre tem aproveitadores e politicalha


Nesta última terça-feira (29), protesto na Ma - 204 em Paço do Lumiar, chamou a atenção pelo fato de alguns aproveitadores que se intitula lideranças comunitárias, usar o protesto para fazer politicagem.


É fácil em destacar os aproveitadores já que os mesmo se coloca em grau de líderes e representante do povo. O importante em demonstrar por qual motivo estas mesma liderança somente aparecem em ocasião eleitoral? E sobrepujam esta farsa de requerer melhorias de uma comunidade que já sofrem a anos, não somente por falta de infraestrutura, pois é sabido que é uma herança vinda de outras gestão por furtar principalmente por serviços paliativos, a verdade é uma arma muito importante neste jogo de interesse.


O ponto em destaque foi a manifestação das lideranças em tentar desqualificar o governo municipal, com frases ofensivas e diretamente na pessoa do prefeito, tipificando-o em ato que não condiz com sua conduta, "Dutra ladrão politico fanfarrão", foi a fala que as lideranças puxaram para induzir e instigar o povo a repetir, como se fosse palavra de ordem, destes, colocando a perder totalmente o sentido da manifestação, que é um direito constitucional e que deveria resguardar e demostrar uma manifestação tranquila, sem ferir direito e sem prejudicar direitos dos demais, tal, é o direito de "Ir e Vir" com inteligência do artigo 5°, XV, da constituição Cidadã. O impedimento de passagem de coletivo, carros de passeio e até mesmo dos próprios moradores que frustaram-se com o impedimento de não poder entrar e sair de sua própria comunidade, "traumático isso viu! Você querer sair de sua casa para seu trabalho e tem que lhe dar com uma situação desta", disse Júlio.


Iguaíba

Mesmo sendo um ato mais politiqueiro, que a busca de melhorias para a comunidade, o prefeito como sempre, preocupado com a população, recebeu uma comotiva para planejar um cronograma de melhoria.

Estrada do Tendal
Vale lembrar que o prefeito Domingos Dutra tem atendido não somente a zona urbana, como também a zona rural, com serviços de melhorias mesmo em período chuvoso, o alcance das melhorias já atendeu:

Iguaíba com operação tapa buraco, para a melhoria e circulação dos coletivos, foi onde começou a formação deste movimento que gerou o protesto de terça-feira (29);
Entregou a ponte do Itatuaba no Iguaíba;  Estrada vicinal que liga Pindoba ao Iguaíba; 
Itatuaba (Iguaíba)
Restaurou e limpou a estrada do Tendal;
Multirão da limpeza que alcançou assim como a zona urbana, a zona rural;
Na Sede do Paço, fez operação tapa buracos;
Dutra com a turma de direito da UFMA, melhorou o porto de Salina no Mocajituba; 
Sede do Paço
Recuperou a estrada do  Pau Deitado, estrada do Mocajituba;
Acesso, limpeza e restauração de ruas e iluminação Guarujá, estendendo as comunidades Todos os Santos, Vila Povo, Armindo Reis;
Isto somente foram algumas melhorias, restauração, limpeza, desobstrução de acesso feita.